domingo, 23 de janeiro de 2011

Pôr-do-sol

por do sol

- Ele está lá todos os dias, só você que não vê.


Existem certos prazeres ingênuos que em certos momentos são capazes de me levar de volta à infância. Redescobrir o céu estrelado ou o pôr-do-sol é apenas alguns destes prazeres, que tantas vezes os arranha-céus e a rotina agitada parecem nos roubar.


No entanto, um dia um pouco mais calmo parece ser o suficiente para que encontremos novamente a beleza naquelas nuvens tingidas de uma coloração púrpura. E se não for um fim de dia, talvez uma noite, com a brisa soprando leve e constante, seja o suficiente para que interrompamos nossa rotina e contemplemos os astros através da janela da nossa pequena espaçonave Terra enquanto viajamos pelo infinito.


Esses momentos, muitas vezes, me põem a pensar em quanto essas cenas se repetem todos os dias, porém a falta de generosidade nos nossos olhos ou a falta de paz no nosso espírito não nos permite perceber a beleza. E eu fico pensando se tudo isso não se amplia para os outros setores e até para nossa própria vida. Será que não perdemos tanta coisa por simples falta de generosidade? Será que tudo não fica melhor quando a gente está em paz consigo mesmo?

7 comentários:

Pequeno Grande Mundo disse...

Hj a vida p muitos se restringe à rotina insana... N sabe-se o como está a lua, nem se vê as estrelas, só se nota q o dia está terminando pq está chegando a hora de sair do trabalho e n pq há o pôr-do-sol... Triste isso...

Belos e Malvados disse...

Tenho um amigo que toda vez que me encontra pergunta "você viu a lua ontem?". No início eu pensava: esse cara é maluco?! Hoje até que presto mais atenção.

Rachel Chagas disse...

A gente vai morrendo aos poucos e nem vê... que saudade do meu verão passado em que quase todos os dias eu tive a imensa felicidade de brindar meus dias com o sol cedinho de manhã na praia, olhando a lagoa do outro lado, as garças, os peixes pulando na água...
Aquilo lá era vida...

Leonardo Xavier disse...

Anne, eu acho que o conselho do teu amigo foi excelente.

Rachel, sabe que nos últimos dias eu tenho tido essa sensação de estar envelhecendo mais rápido de sentir a vida me escorrendo pelos dedos?

Felipe "Miro" 'Dreads' disse...

"Quando fizer algo nobre e belo e ninguém notar, não fique triste. Pois o sol toda manhã faz um lindo espetáculo e no entanto, a maioria da platéia ainda dorme."

John... o Lennon

M.W. (@daconito) disse...

Quando mudei pra cá, ficava encantada com o mar... Hoje na correria nem olho pro lado.
É preciso vir alguém de fora, como veio a Ju, pra voltarmos a ver o que tem de bonito no que vemos todos os dias.
=***

Marina disse...

Todo pôr do sol diferente. Tristes somos nós que temos esse espetáculo todos os dias de graça e não o apreciamos.